Agenda de Palestras EncontrAR

Atendendo a pedidos, estamos divulgando a programação de palestras sobre doenças reumáticas que realizaremos neste segundo semestre de 2014.Agenda EncontrAR

Todas as palestras terá em sua agenda, momento especial para troca de experiências etirar dúvidas com os profissionais palestrantes.

As palestras de Lúpus e Artrite Reumatoide, abordará a doença de base e doenças secundárias, estamos abrindo um formulário de sugestão de pauta e solicitamos a contribuição de todos vocês, preencha o formulário abaixo e nos ajude a construir uma palestra brilhante, com a programação construída por todos nós juntos. Dessa forma poderemos falar o que você, o que nós precisamos e queremos aprender.

Faça sua sugestão, clicando no nome da palestra abaixo. (vai abrir uma nova publicação, basta preencher o formulário anexo).

LES2

Click aqui, e registre sua sugestão para a “Palestra sobre LÚPUS”, será no dia 06 de Setembro de 2014.

Click aqui, e registre sua sugestão para a "Palestra sobre Artrite Reumatoide", será no dia 18 de Outubro de 2014.

Click aqui, e registre sua sugestão para a “Palestra sobre Artrite Reumatoide”, será no dia 18 de Outubro de 2014.

Realizaremos palestras nas cidades de São José do Rio Preto e Ribeirão Preto.

Informações e inscrições em breve.

XIII Encontro Médico Social – Gruparj-Petrópolis

Petrópolis recebe importante evento voltado para a educação do paciente reumático, o XIII Encontro Médico Social promovido pelo GRUPARJ-Petrópolis.

Print

Publico Alvo: Para portadores de doenças reumáticas e familiares, profissionais da saúde e população em geral.

Data: 31/07/2014 até 01/08/2014
Telefone: (24) 2242-8616
Email: gruparjpetro@oi.com.br
Local: Auditório do Gruparj Petrópolis – Rua Monsenhor Bacelar, 589 – Centro – Petrópolis (RJ)
Inscrição: R$ 20,00
Site: www.gruparjpetropolis.com.br

Projeto inédito promove evento para discutir acesso aos tratamentos de reprodução assistida

O projeto realiza no dia 9 de agosto o encontro “Tratamento de Infertilidade para Todos” para discutir o acesso da população aos tratamentos de reprodução assistida.

A participação é gratuita, confirme sua presença no evento do Facebook "Tratamento da Infertilidade"

A participação é gratuita, confirme sua presença no evento do Facebook “Tratamento da Infertilidade”

O evento terá a presença especial de de Sérgio Papier, médico argentino, presidente do Comitê Cientifico e Coordenador da Comissão Assessora em Técnicas de Reprodução Humana Assistida da Sociedade Argentina de Medicina Reprodutiva, que liderou movimento parecido e vitorioso no país vizinho em 2013.

O encontro, que conta com o apoio de quatorze entidades médicas e da sociedade civil, através da ONG Orientavida e de grupos como Gapendi (Grupo de Apoio às Portadoras de Endometriose) e A Endometriose & Eu (considerado o Blog mais completo sobre a doença no mundo), será um movimento de cidadania, em prol dos casais inférteis que lutam para ter um filho e não tem o suporte do plano de saúde, nem do SUS, hoje totalmente incapaz de atender à demanda.

Interlocutores do movimento, os médicos ginecologistas Newton Busso, presidente da Comissão Nacional Especializada em Reprodução Humana da FEBRASGO (Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia) e Nelson Antunes Jr., presidente da Sociedade Paulista de Medicina Reprodutiva, reiteram a importância da participação popular no encontro:

“A mobilização da sociedade civil brasileira, juntamente com a pressão dos casais inférteis sobre o governo, serão cruciais para garantir o acesso ao tratamento de infertilidade por todos, já que a existência da lei 11.935, por si , não faz com que seja cumprida. Você, cidadão brasileiro, tem esse direito e está na hora de lutar por ele. ”

O Projeto

O projeto “www.tratamentodeinfertilidade.com.br” luta pelo cumprimento do artigo 196 da Constituição e o integral cumprimento da Lei 11935, de 11 de maio de 2009, que obriga a cobertura do atendimento dos planos de saúde aos casais inférteis. Apesar de existirem leis de amparo aos pacientes que precisam do tratamento de reprodução assistida a atual situação é de total descaso. Em interpretação equivocada da lei, a Agência Nacional de Saúde (ANS), por meio da Resolução Normativa Nº 211 de 11 de janeiro de 2010, excluiu o que a lei tacitamente obriga. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS) a infertilidade é doença, prevista na Classificação Estatística Internacional de Doenças (CID-10), que afeta um em cada cinco casais (20% da população), e como tal deve ser tratada.

Fan Page: https://www.facebook.com/tratamentodeinfertilidadeparatodos

Vídeo:https://www.youtube.com/watch?v=G0NNsF-VRTc

Serviço:

Evento:           Tratamento de Infertilidade para Todos

Data:               09 de Agosto, sábado

Horário:           08h30

Local:              Teatro Gazeta (Av. Paulista, 900)

**Gratuito**

Mais informações:

Cinthia Fontoura | Meglio Comunicação

e-mail:cfsouza@hotmail.com  tel.: (11) 9 9969 5051

Projeto de Lei, solicita tratamento obrigatório no SUS para Fibromialgia

A Câmara dos Deputados analisa o Projeto de Lei 6858/13, da deputada Erika Kokay (PT-DF), que obriga o SUS a oferecer tratamento para pessoas com síndrome de fibromialgia ou fadiga crônica. A proposta garante ao paciente atendimento multidisciplinar (médicos, psicólogos, nutrição e fisioterapia), acesso a exames, assistência farmacêutica e outras terapias.
Segundo a Sociedade Brasileira de Reumatologia, a fibromialgia é uma das doenças reumatológicas mais frequentes. O principal sintoma é a dor difusa e crônica nos músculos e ossos, mas a pessoa pode apresentar ainda fadiga, distúrbios do sono, rigidez matinal e paralisia de extremidades, entre outros.
“Especialistas recomendam atenção multiprofissional para o tratamento da síndrome”, diz a deputada, que participou de audiência pública sobre o tema na Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara sobre o tema, no ano passado.
Tramitação
O projeto será analisado de forma conclusiva pelas comissões de Seguridade Social e Família; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.
Fonte: Câmara dos Deputados.